Sobre Túria Costa Lopes – Professor Ideal

Sobre

Túria Costa Lopes

Desde quando eu estava no magistério, eu era apaixonada por educação, pois é através dela, tanto na família como na escola, que todo individuo se desenvolve e amadurece.

Sempre adorei crianças. Quando bem jovem eu achava que eu tinha um imã que as atraia, pois onde eu ia, alguma criança aproximava e interagia comigo. Esse foi um dos motivos que me levou a fazer o magistério.

No magistério fiz estágios e conheci o universo do ensino infantil, fundamental e os desafios da alfabetização. Conheci excelentes professores que exalavam inspiração e admiração. Mas também conheci professores e alunos desmotivados, desinteressados e infelizes. Na época não entendia como e porque isso acontecia, como a maioria dos novos professores.

Como algumas turmas eram tão interessantes com alunos empolgados e com olhos brilhando ao aprender algo novo, enquanto outras eram tão tediosas e/ou estressantes que eu nem aguentava ficar dentro da sala? O que essas turmas tinham de errado? Porque algumas crianças aprendiam e queriam aprender mais que outras?

Resolvi fazer fonoaudiologia para buscar descobrir porque algumas crianças apresentavam piores desempenhos, e para assim poder ajudar crianças com dificuldades de aprendizagem e linguagem.

Me encantei com a fonoaudiologia e com a imensidão de áreas e assuntos que o curso abordava. Tive contato com várias destas áreas através de estágios e monitorias, buscando sempre ampliar minha prática profissional. Ainda assim, ao final do curso ainda não me senti segura para ser uma profissional admirável, o que me levou a buscar um um estágio no hospital das clínicas da UNICAMP, no departamento de pediatria. Após um ano de estágio, fiquei mais um ano fazendo aprimoramento com a mesma orientadora que me incentivava muito a crescer. Trabalhei em outras áreas paralelamente para ajudar financeiramente e para ampliar meu conhecimento, como com crianças com sequelas neurológicas, em clínicas fazendo audiometria e indicação de aparelhos auditivos e também abri meu próprio consultório para ajudar crianças com dificuldades de aprendizagem, fala e linguagem. .

No final do aprimoramento resolvi fazer mestrado na Unicamp, mas adiei essa experiência em troca de uma oportunidade de estudar no exterior. Casei e fui morar nos Estados Unidos. Morei lá seis anos e conheci um outro mundo cheio de oportunidades e crescimento. Dei muitas aulas de inglês para brasileiros recém chegados e de português para estrangeiros em várias empresas como Delta Airlines, Bell South e Turner Broadcasting System (TBS), cuidei de crianças maravilhosas e acabei resolvendo fazer lá um mestrado na University of Georgia (UGA).

Após dois longos anos de muitos desafios, adversidades, complexidades, empenho e muitas noites sem dormir, finalizei meu mestrado no departamento de educação, com uma tese sobre linguagem, e participei de vários cursos e congresso na área de educação. Tive também a oportunidade de conhecer algumas escolas americanas e como diversas estratégias pedagógicas eram estudadas e discutidas entre professores, coordenadores e fonoaudiólogos.

Voltei para o Brasil e comecei a dar aulas de inglês particular e para vários grupos em escolas de idiomas. Fui professora em uma escola bilíngue e tive turmas com bastante crianças que tornaram a minha vida um grande desafio. Percebi que mesmo depois de tantos anos de estudo eu não estava preparada para dar aula para tantas crianças e conseguir um resultado adequado. Para aprender a cativar e educar cada vez melhor meus alunos e torná-los mais interessados e disciplinados, comecei a estudar mais sobre educação e ler vários estudos realizados no exterior.

Em seguida, comecei a trabalhar para uma franquia como professora e depois como coordenadora. Depois de um ano fui chamada para trabalhar em uma outra franquia bem maior, com mais de 150 escolas. Lá, tive oportunidade de trabalhar com vários departamentos diferentes e com profissionais de vários tipos e níveis. Desenvolvi uma metodologia de ensino e escrevi mais de 25 livros didáticos. Encontrei superação profissional e emocional e uma bagagem enorme de experiência. Como eu tinha uma posição de liderança, pude ajudar milhares de professores e colocar em prática parte do conteúdo que eu lia e pesquisava sobre métodos e técnicas de aula para motivar e engajar alunos no processo de aprendizagem e obter melhor desempenho.

E confirmei o que eu observava nas evidências científicas e na minha experiência em sala de aula: a chave do sucesso na educação é o professor querer aprender sempre mais para poder ajudar seu aluno a aprender cada vez melhor.

Estou aqui para compartilhar minhas experiências e estudos. Pode contar comigo!

Túria Costa Lopes

Missão, Visão e Valores

Missão

Ajudar os professores dando técnicas de aulas e dicas baseadas em evidências para tornar o seu dia a dia mais prazeroso e mais produtivos sem precisar fazer mudanças na estrutura da escola.

Visão

Ser referência na área de educação e ser uma facilitadora na vida profissional dos professores.

Valores

Ética, paixão, qualidade, respeito, confiança e resultado.