Como lidar com situações negativas e estressantes em sala de aula – Professor Ideal
Como lidar com situações negativas e estressantes em sala de aula

Como lidar com situações negativas e estressantes em sala de aula

Qual é sua estratégia para lidar com situações negativas em sala de aula? É aumentar a intensidade da sua voz? Mesmo professores experientes as vezes perdem o controle e acabam levantando a voz com os alunos. Mas o maior problema é fazer isso regularmente. Portanto, é importante tentar não perder a paciência, por mais que um aluno tente fortemente te irritar e te desrespeitar. Se os alunos perceberem que eles o irritam, eles saberão que eles o derrotaram no jogo de disciplina. Resumindo, você precisa controlar sua frustração e raiva, se você quer ser um professor eficaz.

Aqui estão algumas coisas que podem ajudar:

1. Entenda o que te irrita.

Estes são tempos difíceis e muitos de nós estamos passando por dificuldades econômicas em nossas vidas. Lembre-se, não é culpa de seus alunos que os governantes não valorizam os professores e ofereçam baixo salário. Também não é culpa dos seus alunos que você teve uma discussão com o seu cônjuge, namorado ou amigo. O fato é que, quando você entra na escola todos os dias, você deve deixar sua “bagagem” do lado de fora. Trazer seus problemas pessoais para a escola só trará mais problemas de gestão de sala durante o dia e isso só aumentará seu nível de estresse.

2.Certifique-se de nunca entrar em uma disputa de gritos com seus alunos.

Gritar nunca é uma boa estratégia. Na verdade, isso pode até pior a situação. Você pode perder o respeito de seus alunos. E uma vez que o respeito se foi, sua habilidade em gerenciar a classe também se foi.

O educador Michael Linsin explica: “Quando você grita, você treina seus alunos a ouvirem você apenas quando você levanta sua voz. Em outras palavras, eles aprendem que, a menos que você esteja gritando, você não deve realmente querer dizer aquilo”.

3.Não contribua para o “bullying”

Um estudo de 2010 descobriu que as salas de aula onde o professor usava um estilo autoritário, usando punição e coerção para influenciar o comportamento dos alunos, criaram um ambiente onde o comportamento de “bullying” entre os alunos era mais provável de se desenvolver. Uma série de fatores contribui para a sua existência, e um deles é como os professores gerenciam suas salas de aula e respondem ao comportamento inadequado do aluno.

4.Crie um ambiente tranquilo e mais saudável

Na maioria das vezes ameaçar e gritar cria um ambiente hostil e perturbador. E não apenas para o aluno que você está gritando, mas para todas as pessoas que possam te ouvir. Isso inclui os professores e alunos nas salas de aula próximas. Basta uma rápida olhada na Hierarquia de Necessidades de Maslow, para lhe dizer que a necessidade de segurança vem muito antes do desejo de satisfazer qualquer tipo de interesse cognitivo ou criativo. Portanto, se seus alunos estão preocupados com uma sensação tensa na sala, eles são muito menos capazes de fazer um trabalho acadêmico de qualidade.

5.Lide com seu estresse e frustração de maneira positiva.

Pessoalmente, acho que o exercício físico é a melhor maneira de lidar com o estresse. Claro, todo mundo é diferente e a chave é encontrar formas positivas de lidar com o estresse.

Assista o vídeo abaixo e tenha mais dicas de como manter a calma e lidar com o estresse em sala de aula.

Aqui estão outros artigos que você irá gostar:

Como a hierarquia de necessidade de Maslow pode ser usada em sala de aula

Descubra dicas simples de chamar a atenção dos seus alunos

Deixe seu comentário

Your email address will not be published. Required fields are marked *